O poder revigorante do sorriso

0 comm.
Avaliação:
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
213 views

Os Benefícios do Sorriso, Sem Motivos Para SorrirNem tudo são flores e aromas agradáveis? Sorria mesmo assim.

Tente.

Vale a pena.

Motivação Para Sorrir

Sorria, mesmo quando o céu não sorri de volta, quando as nuvens cinzentas prenunciam chuvas torrenciais de lágrimas grossas e pesadas, de um pranto necessário sobre o mundo. E, mesmo quando estiver chovendo, sorria banhando-se das águas, numa ciranda solitária de braços abertos no quintal, e aberto para um mundo de novas possibilidades, de sorrisos futuros.

Quando seu filho sorrir, mesmo depois de você ter enfrentado um longo, árduo, doloroso dia de labuta sem maiores recompensas… Mesmo assim, sorria de volta. Para ambos o sorriso será recompensador, um sinal de que tudo está ou ainda pode ficar bem, apesar de todas as outras coisas.

O seu dia pode não ter sido dos melhores, a sua música pode não ter sido tocada o dia inteiro; mas, para o seu filho, o melhor momento de seu dia é aquele em que você chega com um sorriso cansado e ele corre de braços abertos, e com um sorriso imperfeito, em sua direção.

Sorria, você está sendo filmado

Você pode sorrir pelos olhos, e outros podem ver refletidos neles os muitos sorrisos que alguma vez foram evitados anteriormente, por esquecimento ou vergonha.

Não dê tanta atenção aos possíveis pés-de-galinha, naturais de quem muito sorri assim, forçando a expressão de sorriso. Felicidades! Sorria mesmo quando toda a gravidade do mundo parece puxar seus lábios para baixo.

Sorria mesmo sem ter dentes, mesmo quando um ou outros estiverem faltando. O sorriso branco e preenchido, completo e reto pode ser bonito, mas o sorriso mais satisfatório é aquele que vem de dentro, o mais importante.

Sinta-se dominado pelo bem-estar de seu sorriso mais autêntico, da alegria do momento, da inocência que ainda habita em ti.

Os Benefícios do Sorriso

Você sabia? O sorriso ativa o sistema imunológico e queima calorias; estimula o cérebro a liberar a endorfina e a serotonina, que provocam a sensação de bem-estar e regulam seu sono, seu apetite e muito mais; além de exercitar um bom número de músculos do rosto. Entre outros tantos benefícios.

É científico, sim, mas igualmente belo e poético. Pense na beleza dos mecanismos que movem a nossa anatomia. O sorriso tem parte nisto.

Sem Motivos Para Sorrir

Eu mesmo sou muito sisudo, bem sei. Desde muito cedo — desde quando, exatamente? Assim, agora, eu não me lembro —, a seriedade transparece em minha fisionomia; a seriedade e o juízo excessivos, porém, não me foram inteiramente benéficos. Paguei algum preço.

Falo por mim. Não sou do tipo que sorri em público sem ter um motivo aparente. Os músculos do meu rosto não me lembram do movimento, e eu estou tão distraído em mim mesmo, em meus pensamentos, para dar conta de também sorrir por sorrir, sem motivo.

Mas nunca é tarde.

Sim, eu confesso. Ora, se você vive na cidade grande, provavelmente deve fazer o mesmo, ou já viu quem se perde em seus próprios devaneios sérios.

Um belo sorriso tem o poder de cicatrizar uma alma retalhada. Sorria de si para si mesmo na frente do espelho; o sorriso contagia.

Não resolve seus problemas — e para isto é necessário uma mudança de atitude, um primeiro movimento levando ao movimento ou passo seguinte —, mas sorrir torna tudo ligeiramente mais tolerável e fácil de lidar.

Não encontrou motivos para sorrir? Sorria mesmo assim. Tente. Vale a pena.

Não é para se tornar um abobalhado, um portador da síndrome de hiena (síndrome gravíssima e contagiosa que diz respeito às gargalhadas fora de hora, de lugar e de contexto, que o torna inconveniente e irritante, muito irritante); mas experimente sorrir mais. E quando menos perceber, será menos penoso e mais natural.

Por favor, avalia este artigo:
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Discussions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

O mais visitado e popular: